Justiça nega renegociação de contratos com a BR.

28 maio 2020


Justiça nega renegociação de contratos com a BR

28/05/2020 – A Justiça tem negado liminares a postos de gasolina que querem renegociar ou mesmo cancelar contratos com a BR Distribuidora. Eles tentam quebrar a exclusividade para poder adquirir combustíveis de outras distribuidoras, por preços e reduzir os prejuízos gerados com a queda no consumo devido à pandemia.
Nas decisões, os juízes entenderam que a crise atinge toda a cadeia e pedem provas dos supostos prejuízos. Também levaram em consideração as alegações da companhia de que negocia com os postos e que os pedidos de quebra de exclusividade podem ludibriar o consumidor.
Um dos pedidos de revisão de contrato de exclusividade foi negado pela 2ª Vara Cível de Curitiba (PR). O posto alegou na ação que o preço do combustível da BR é muito superior ao das outras distribuidoras, além de ter sido surpreendido com a pandemia.

Newsletter