Atendimento nos postos: dicas para chegar ao patamar ideal

14 fevereiro 2019


Quem não gosta de chegar a um local e ser bem atendido? A regra vale para todos os estabelecimentos, de lojas comerciais, fábricas e agências, ao nosso segmento, de postos de combustíveis.  Como melhorar o atendimento nos postos? Quais dicas são boas de serem seguidas? Confira algumas para chegar ao patamar ideal lendo o post!

Apresentação é essencial

É importante que os funcionários, não apenas os frentistas, que têm o primeiro contato com o cliente geralmente, estejam vestidos e se apresentem de forma adequada – nada de uniformes rasgados, unhas enormes, maquiagem exagerada (para as mulheres) e sujeira!

Educação sempre

É importante que a equipe esteja sempre disposta a atender os motoristas e demais clientes da melhor forma possível, com educação, gentileza e simpatia.

Ninguém gosta de lidar com pessoas mal humoradas ou grossas, não é mesmo?

E não precisa ficar também “forçando uma amizade” inexistente. Basta entender o que o cliente quer, se colocando no lugar dele e tentando resolver suas dores e problemas. Oferecer um serviço adicional como uma troca de óleo, revisão do motor ou limpeza do ar-condicionado também não é problema e é bom para os dois lados. Só não vale insistir caso não seja do desejo do cliente.

Valores e números na bomba

Uma das grandes preocupações de quem abastece é se o valor está sendo cobrado corretamente e se os litros da gasolina estão realmente sendo colocados no tanque. Portanto, o frentista deve sempre mostrar o visor antes e depois de abastecer, conferindo com o cliente se está tudo certinho.

Se o posto não aceita pagamentos no cartão de crédito ou tem um preço diferente para cada forma de pagamento, também é recomendável um quadro, banner ou anúncio em local visível para que não haja maiores confusões.

Além de um anúncio avisando sobre os pagamentos, os postos do Espírito Santo e outros estados devem colocar um aviso explicando se a gasolina é formulada ou refinada. Leia sobre o assunto e conheça as diferenças! 

 

Newsletter